SÉRIES | O SOFRIMENTO INFINITO DE MILDRED PIERCE

Kate Winslet está absoluta impecável na nova versão de Mildred Pierce, o depressivo romance escrito por James M. Cain. Conhecida através de uma produção de Hollywood na década de quarenta, com Joan Crawford no papel principal, Mildred Pierce ressurge em uma versão mais perturbadora e intensa, produzida por Toddy Haynes para a HBO.

Em sua nova versão, dividida em cinco capítulos, Haynes explora com maestria o infinito sofrimento de Mildred (Kate Winslet), uma dona de casa que frente às condições financeiras precárias da década de 30, precisa buscar alternativas de sobrevivência para uma família abalada por um recente divórcio, e o orgulho insensível de sua filha mais velha (na infância interpretada por Morgan Turner, e por Evan Rachel Wood na fase adulta).

Os anos desafiam a sobrevivência de Mildred em situações de constantes extremos, desde ao enriquecer e se apaixonar, até ser traída e abandonada pelo destino, que lhe pune com um severo luto cruel nos capítulos iniciais. A história de Mildred Pierce obriga a protagonista a se despir de qualquer orgulho próprio, para resistir as mais severas condições emocionais e financeiras imagináveis.

Kate Winslet brilha com louvor naquele que pode ser considerado o maior papel de sua carreira, em uma produção impecável, rica em detalhes, e cuidadosamente resgatada pela HBO. Imperdível.

<20|12>

Você também é parte do MESSCLA! Gostou da coluna? Ajude a nossa multiplicação! Curta nossa página e compartilhe nossos posts!

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s