MÚSICA | PROMISSORES 2021: SOMEBODY’S CHILD

 

Entre todos os promissores nomes para o próximo ano, um entre os meus favoritos com certeza se destaca, trata-se do projeto Somebody’s Child, uma banda que reflete as ambições de uma alma especial, o iluminado Cian Godfrey.

Irlandês, o líder, vocalista e compositor Cian Godfrey iniciou a sua interação com a música aos cinco anos de idade, durante uma breve temporada em Paris com a sua família, retornando posteriormente para Dublin obstinado a tornar-se um multi instrumentista primoroso, obcecado por composições e narrativas não usuais de suas percepções pessoais.

O resultado de anos de experimentação e ambição, é o incrível projeto Somebody’s Child, uma promessa certa para o ano de 2021.

Se por acaso o projeto Somebody’s Child ainda é um desconhecido nome para você, vamos observar apenas as composições produzidas ao longo de 2020, qual sem dúvida, foi muito produtivo e especial para Cian Godfrey.

Em janeiro, ainda sequer imaginando a pandemia que estava por vir, Somebody’s Child lançou o single de “Love That Sound”, uma iluminada canção pop pontuada com elementos de soul music, perfeita para uma exaustiva execução global, porém infelizmente, fora posteriormente limitada apenas a promoção virtual, reduzindo o impacto e a amplitude de alcance que teria em condições normais.

Em agosto, recuperado e consciente do novo cenário global, Somebody’s Child promoveu o lançamento de 20-Something, um EP com quatro deliciosas canções, entre as quais se detaca “TV Screens” um indie rock moderno marcado por elementos oitentistas e new wave, e a maravilhosa “We Could Start a War”, uma canção hino pronta para incendiar multidões por onde for executada.

Posteriormente ao lançamento e o sucesso do EP 20-Something, o qual obteve destaque em toda mídia mainstream européia, a canção “We Could Start a War” foi graciosamente remixada pela dupla irlandesa Le Boom, um projeto de electro indie house dos amigos Christy Leech e Aimie Mallon. A nova versão house da canção indie rock ampliou e diversificou mais uma vez o seu público e exposição.

Ainda não satisfeito com o número de lançamentos, Cian Godfrey promoveu em novembro e dezembro a promoção de dois singles individuais inéditos. A canção “Top Drawer Romance” foi lançada em novembro, e trata-se um indie rock puro e perfeitamente configurada para o mercado americano, enquanto a balada “Lost”, lançada em dezembro, se revela como um incrível rock de arena, digna do mais fiel fã (devido algumas referências) à banda também irlandesa U2.

Os números de execuções, mídia e fãs se multiplicam a cada novo dia, tornando o Somebody’s Child uma certeira promessa para 2021, sem qualquer dúvida.

Lembrando que “Top Drawer Romance” já encontra-se obviamente adicionada em nossa incrível playlist no Spotify, portanto mantenha-se atualizado e torne-se um de nossos incríveis seguidores.

AVALIAÇÃO:

<20|20>

Você também é parte do MESSCLA! Gostou da coluna? Ajude a nossa multiplicação! Curta nossa página e compartilhe nossos posts!

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s