MÚSICA | AS 10 MELHORES CANÇÕES DO PEARL JAM

pearl-jam

Poucos são os grupos que como o Pearl Jam podem ostentar sem temer, uma carreira consolidada e mundialmente celebrada. Muito do grunge e da década de noventa se perdeu no tempo, mas o idealismo social e a sonoridade alternativa se manteve intacta.

Não é fácil definir as 10 melhores canções de um grupo como o Pearl Jam, considerando toda sua história e discografia celebrada, mas jamais um desafio tão estimulante quanto esse seria ignorado.

Para o acordo ou desacordo dos fãs, apresento o nosso Top 10 Pearl Jam.

10. Given To Fly (Yield, 1998)

Uma canção que eu poderia jurar ser parte do início brilhante da carreira do grupo, deliciosamente influênciada pela harmonia vocal de “Going to California” do Led Zeppelin. Linda. Uma explosão de sentimentos.

9. Sirens (Lightning Bolt, 2013)

Presente em seu mais recente álbum, Lightning Bolt lançado em 2013, a canção “Sirens” é uma pequena obra-prima moderna. Uma ópera grunge atual, destacando o melhor que se pode esperar de uma banda como o Pearl Jam. Vocais carregados de emoção, guitarras em harmonias distorcidas dignas da melhor safra do rock alternativo noventista e uma crescente explosão acelerada contagiante!

8. Present Tense (No Code, 1995)

Não existe nada fora do lugar em “Present Tense”. A letra em perfeita harmonia com o oceano de guitarras impressiona. Definitivamente uma das minhas canções favoritas.

7. Daughter (Vs, 1993)

Apesar de sua temática intimista, denunciando abusos através da perspectiva de uma garota problemática, “Daughter” não se transformou em uma confissão melancólica e depressiva, muito provavelmente graças a sua incrível harmonia acústica e a profundidade vocal inigualável de Vedder. A canção tornou-se um belissímo ícone de militância social sonora, sempre presente na história do grupo.

6. Alive (Ten, 1991)

A canção que apresentou o Peal Jam ao mundo é carregada de emoção sincera, eletrificada por uivos e gritos pontuados por um relato honesto. Considerada por muitos fãs como uma das melhores letras da banda, Vedder disseca seu relacionamento com o padastro, qual acreditava ser o seu verdadeiro pai até atingir a maioridade.

5. Corduroy (Vitalogy, 1994)

Não sei exatamente explicar em detalhes, mas “Corduroy” é um explosão da máxima aproximação da sonoridade do Pearl Jam ao que se considera uma sonoridade grunge. Uma unanimidade entre os fãs exaltando o desconforto de Vedder frente aos abusos provenientes de sua fama global.

4. Elderly Woman Behind The Counter In A Small Town (Vs, 1993)

A voz e poesia bruta do cronismo de Vedder em uma balada acústica arrebatadora.

3. Better Man (Vitalogy, 1994)

É engraçado pensar que uma canção tão popular quanto “Better Man” sequer teve um tratamento digno de single por ser considerada pop demais. É engraçado pensar que apesar de toda beleza presente, a canção relata o descontentamento de Vedder frente aos constantes abusos sofridos por sua mãe.

2. Yellow Ledbetter (Lado b do single Jeremy, 1992)

Uma canção ignorada na seleção do álbum de estreia, acabou despretensiosamente figurando como lado-b do hino grunge “Jeremy”. Para surpresa de todos, transformou-se em uma das mais belas canções já compostas pelo grupo em toda sua história.

1. Black (Ten, 1991)

Presente no álbum Ten, “Black” figura ao lado de canções igualmente perfeitas como “Jeremy”, “Even Flow”, “Alive” e “Oceans”, para não acabar por citar todas as canções deste incrível álbum, e mesmo assim se sobressai. Com letra e harmonia magnífica, a canção que nunca fora lançada como single figurou entre as músicas mais executas pelas rádios americanas entre 1991 e 1992.

<o|o>

Você também é parte do MESSCLA! Gostou da coluna? Ajude a nossa multiplicação! Curta nossa página e compartilhe nossos posts!

Anúncios

2 Respostas para “MÚSICA | AS 10 MELHORES CANÇÕES DO PEARL JAM

  1. Olá, muito interessante a seleção do top 10, houve uma verdadeira diversidade de Álbuns e também não é fácil fazer uma composição de músicas de uma banda como o Pearl Jam, mais acredito que músicas como Light Years, Do the Evolution e Low Light, Oceans, Porch, Jeremy, Dissident, Even Flow, não estariam devendo nada por estar entre o top 10, acredito que bandas com sucesso tão presente deveriam aumentar para TOP 20.

    Abraços!

    Curtir

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s